terça-feira, 11 de abril de 2017

O TÚMULO DESTE HOMEM É BEM GUARDADO POR UMA RAZÃO MUITO ESTRANHA

crédito na imagem
Nas ilhas Britânicas, um suposto vampiro que morreu há mais de cem anos é guardado com correntes e muito concreto.Segundo relatos,um homem de 54 anos de idade chamado Matthew Halsall morreu em 1854 em Castletown em Isle of Man.
Como de costume,seus amigos e familiares fizeram uma vigília durante seu velório e beberam em sua memória.
Quando todos acompanharam para seu enterro,ouviram um forte gemido vindo de dentro do caixão.Então achando que Halsall estava vivo abriram o caixão,mas infelizmente foi constatado que estava mesmo morto.



Assustados todos pensaram que se trataria de um vampiro!
Depois que Halsall foi finalmente enterrado,sua cova foi coberta com uma enorme e pesada placa de cimento.
E para garantir que Halsall não voltasse dos mortos,os paroquianos também cercaram todo o túmulo com grandes correntes,acreditando que elas mantém os espíritos malignos  longe.


É bem provável que o gemido do vampiro,era nada mais que o ar restante saíndo do corpo de Halsall.Hoje em dia os médicos removem este ar pressionando o peito dos cadáveres, mas a um século a traz esse fenômeno era suficiente para assustar muitas pessoas.
A lenda do vampiro de Castletown é famosa, agora se é verdade ou não,talvez nunca saberemos.Ainda assim essa historia é melhor que muitos filmes de vampiros feitos ultimamente.


Fonte:Reddit,





Nenhum comentário:

Postar um comentário